quarta-feira, 4 de junho de 2014

Nostalgia


Arrepia-me o teu toque,
O teu reflexo, a tua juventude
Vejo-te novo, olho-me velho
No espelho que me ilude
Na nostalgia sépia que me corrompe

Em tempos era novo, tinha um nome
Em tempos as rugas eram histórias por fazer
Beijos por trocar e outros para esquecer

1 comentário:

  1. "...
    Em tempos era novo, tinha um nome
    Em tempos as rugas eram histórias por fazer
    ..."

    Mas a História se faz exactamente por isso...

    :-)

    ResponderEliminar